CM Mangualde

O Nosso Património


«Mangualde, o Nosso Património!»:

 

Julho traz ‘Religiosidades’ como destaque

 

Autarquia continua a aproximar a população do Património Mangualdense

 

 Neste início do mês de julho, a campanha «Mangualde, o nosso património!» destaca as ‘Religiosidades’. Promovida pela autarquia, esta campanha tem como objetivo aproximar a população do património mangualdense do mais belo que existe no concelho. Com esta campanha todos ficam mais próximos do vasto esplendor patrimonial do concelho. Nesse sentido, continua a ser colocada, nos meios digitais do município, a informação sobre o monumento/património apresentado.

RELIGIOSIDADES
Ao longo da história, as relações entre homem e divindades assumiram contornos diversos. Da adoração ao culto, com mediação sacerdotal ou numa ligação directa e individual, desenvolveram-se rituais que foram adoptando múltiplas facetas. Perante adversidades, fenómenos inexplicáveis, catástrofes, doenças, na pressuposição da existência de vida para além da morte, como forma de agradecimento, de favorecimento, de adiamento de algo tantas vezes inadiável, o carácter transacional da religiosidade foi-se constituindo numa das formas mais frequentes dessa relação homem/divindade. É o homem, assente em extrema fragilidade, que, não conseguindo vencer a sua própria condição humana com os seus recursos, apela e recorre aos mais elevados poderes só à mercê de entidades superiores, de deuses ou santos.

Independentemente do que lhes possa subjazer, a elevação de nichos ou altares exteriorizam a simples, mas arreigada, devoção a uma santidade. No bairro do Relógio Velho pode ver-se um nicho erigido a Nossa Senhora de Fátima. Acto cultural de religiosidade incontida.

António Tavares, Gabinete de Gestão e Programação do Património Cultural da CMM

 

Foram já vários os bens patrimoniais destacados por esta campanha nos últimos anos. A título de exemplo, já foram destacados os Refrigerantes Condestável de Abrunhosa do Mato, os Bordados de Tibaldinho, a Casa dos Condes de Mangualde, a Fonte de Ricardina, vestígios arqueológicos ao tempo do Império Romano em Pinheiro de Tavares, a Capela de São Domingos de Ançada, a Carvalha, a Capela de Santo António em Mesquitela, a Fundação de Nossa Senhora da Saúde de Cunha Alta, os símbolos maçónicos e o Solar de Santa Eufémia. Mais recentemente, estiveram em destaque o Santuário de Santa Luzia, em Freixiosa; a Casa de Darei, na aldeia de Darei, freguesia de Mangualde, a Igreja Matriz de Várzea de Tavares, a Calçada Romana de Mourilhe; a Igreja de São Pedro de Cunha Alta; e a Capela de São Sebastião, em Santiago de Cassurrães, a Alminha de Tabosa, a Capela de São Domingos de Vila Mendo, o Pontão da Amieira, em Quintela de Azurara, o Depósito da Cruz da Mata, a “Senhora da Graça, ou do Alqueve – Fortaleza de Deus?”, o Portal Quinhentista de Pinheiro de Tavares, as Estelas funerárias de Abrunhosa do Mato, o Chafariz da Cunha Baixa, o Pastel de Feijão e o Coreto da Senhora dos Verdes.

 

Cartazes:

=> Religiosidades

=> Coreto da Senhora dos Verdes

=> Pastel de Feijão

=> Chafariz da Cunha Baixa

=> Estelas Funerárias de Abrunhosa do Mato

=> Portal Quinhentista de Pinheiro de Tavares

=> Senhora da Graça, ou do Alqueve

=> Depósito da Cruz da Mata

=> O Pontão da Amieira – Quintela de Azurara

=> Capela de São Domingos de Vila Mendo

=> Alminha de Tabosa

=> Capela de São Sebastião – Santiago de Cassurrães

=> Igreja de São Pedro de Cunha Alta

=> Calçada Romana de Mourilhe

=> Igreja Matriz de Várzea de Tavares

=> Casa de Darei, em Mangualde

=> Santuário de Santa Luzia, em Freixiosa

=> Solar de Santa Eufémia

=> Símbolos Maçónicos

=> Nossa Senhora da Saúde de Cunha Alta – Fundação

=> Capela de Santo António, em Mesquitela

=> Carvalha… A Nostálgica lembrança de um património

=> Capela de São Domingos de Ançada

=> Fonte de Ricardina

=> Casa dos Condes de Mangualde

=> Bordados de Tibaldinho… Património das Culturas Populares

=> 16 de janeiro de 2017 – Refrigerantes Condestável…Abrunhosa do Mato

 

=> 02 de novembro de 2016 – Tribunal de Mangualde…Português Suave

=> 02 de novembro de 2016 – Arquitectura modernista em Mangualde…

=> 15 de setembro de 2016 – Santo António dos Cabaços

=> 01 de agosto de 2016 – Paredes que falam da História…

=> 01 de junho de 2016 – Vestígios de Outrora: Vila Nova de Espinho

=> 15 de maio de 2016 – Picota: Tecnologia Antiga

=> 02 de maio de 2016 – Igreja de São Silvestre de Pinheiro de Baixo e de Cima

=> 15 de abril de 2016 – Igreja de São João da Fresta

=> 04 de janeiro de 2106 – Casa da Quinta de Santo António – Fornos de Maceira Dão

 

=> 01 de dezembro de 2015 – Casa de Lobelhe

=> 01 de novembro de 2015 – Nossa Senhora do Monte, ou da Cabeça – Sítio primitivo do Mosteiro de Maceira Dão?

=> 01 de outubro de 2015 – Sepulturas medievais de Moimenta de Maceira Dão

=> 01 de setembro de 2015 – Igreja de Santiago de Cassurrães

=> 01 de junho de 2015 –  Ponta da Barca, ou o que resta dela

=> 03 de maio de 2015 – Capela dos Cabral Pinto – Cassurrães

=> 01 de abril de 2015 – Vila Cova de Tavares…1663

=> 02 de março de 2015 – Penedo da Cruz – Póvoa de Cervães

=> 02 de fevereiro de 2015 – Fontenário dos Seabra Beltrões – Cassurrães

=> 15 de janeiro de 2015 – Igreja de São Tomé de Cunha Baixa

 

=> 15 de dezembro de 2014 – Casa de Quintela

=> 01 de dezembro de 2014 – Igreja de Alcafache – Invocação de São Vicente

=> 03 de novembro de 2014 – Casa do Canedo

=> 15 de outubro de 2014 – Casa dos Faro, ou da Portelada, ou de Santa Quitéria – Santo Amaro de Azurara

=> 01 de outubro de 2014 – Ponte Romana do Tinto

=> 15 de setembro de 2014 – As Poldras da Ribeira de Ludares, em Germil

=> 01 de setembro de 2014 – Fonte de Gandufe

=> 01 de agosto de 2014 – Património Industrial… memórias de paisagens

=> 15 de julho de 2014 – Vias antigas… passagens actuais

=> 01 de julho de 2014 – Igreja Paroquial de São Salvador de Travanca de Tavares

=> 16 de junho de 2014 – Memórias de outros tempos…

=> 02 de junho de 2014 – Casa de Pedro Álvares Cabral

=> 02 de maio de 2014 –  Presenças barrocas na arquitetura

=> 15 de abril de 2014 –  As materialidades das identidades

=> 17 de março de 2014 –  Forno de pão…símbolo de formas de vida passadas

=> 03 de março de 2014 –  Orca dos Padrões… sepulcros d’ outrora

=> 17 de fevereiro de 2014 –  São Pedro de Espinho

=> 03 de fevereiro de 2014 –  O passadiço…ou as casas de passadiços

=> 15 de janeiro de 2014 – A Janela Manuelina de Canelas

=> 02 de janeiro de 2014 – Solar de Almeidinha

 

=> 16 de dezembro de 2013 – Igreja de Nª Srª de Assunção da Vila de Chãs de Tavares

=> 02 de dezembro de 2013 – A Torre do Relógio Velho

=> 15 de novembro de 2013 – A Ermida de Nª Srª de Cervães

=> 01 de novembro de 2013 – Elementos Perdidos…

=> 15 de outubro de 2013 – Pelourinho de Abrunhosa-a-Velha

=> 16 de setembro de 2013 – Casa “entrincheirada” de Terras de Tavares

=> 02 de setembro de 2013 – Arquitetura quinhentista de Abrunhosa-a-Velha

=> 16 de agosto de 2013 – Retábulo de São Lourenço, Tibaldinho

=> 1 de agosto de 2013 – Nora…tecnologia abandonada

=> 1 de julho de 2013 – Colégio de São José

=> 17 de junho de 2013 – Palácio dos Condes

=> 03 de junho de 2013 – A medieval Torre de Gandufe…

=> 15 de maio de 2013 – Capela do Senhor do Calvário – Abrunhosa do Mato

=> 02 de maio de 2013 – Poldras… travessias milenares

=> 15 de abril de 2013 – Igreja Misericórdia

=> 01 de abril de 2013 – Prensa Manual…Património Industrial

=> 15 de março de 2013 – Casa de Mansarda

=> 01 de março de 2013 – Sepultura da Peliteira

=> 15 de fevereiro de 2013 – Espigueiro de Fornos de Maceira Dão

=> 01 de fevereiro de 2013 – Pelourinho de Chãs de Tavares

=> 15 de janeiro 2013 – Igreja de São Julião, Matriz de Mangualde

=> 02 de janeiro de 2013 – Cineteatro de Mangualde

 

=> 17 de dezembro 2012 – Casa dos Albuquerques, na cidade de Mangualde

=> 3 de dezembro 2012 – Alminhas, testemunho de fé popular

=> 15 de novembro de 2012 – Estelas Funerárias de Abrunhosa do Mato

=> 02 de novembro de 2012 – O Real Mosteiro de Santa Maria de Maceira Dão

=> 15 de outubro de 2012 – Adelino Amaral, Armazém de Lanifícios

=> 01 de outubro de 2012 – Citânia da Raposeira

=> 17 de setembro de 2012 -Vila Romana dos Barreiros

=> 03 de setembro de 2012 – Villa Gloria

=> 16 de agosto de 2012 – Abrigo de pastor

=> 01 de agosto de 2012 – Igreja de Nossa Senhora do Castelo

=> 16 de julho 2012 – Fabrico artesanal do queijo

=> 02 de julho 2012 – Reservatório de água de Espinho

=> 15 de julho 2012 – Dólmen de Cunha Baixa

=> 1 de julho 2012 – Capela da Nª Sr.ª do Desterro ou Capela do Rebelo