CM Mangualde

Carnaval com Tradição Secular volta a animar Quintela de Azurara | De 12 a 25 de Fevereiro


A Fogueira, as Papas de Milho, a Sacada e o Enterro do Entrudo são os pontos altos das Festas de Carnaval

 

A freguesia Quintela de Azurara, em Mangualde, volta a fazer jus aos seus costumes de Carnaval com momentos que vão recordar tradições seculares. A Fogueira, as Papas de Milho, a Sacada e o Enterro do Entrudo, serão os pontos altos das festividades que, ao longo de vários dias, prometem animar as ruas daquela localidade. Os “Casamentos” dos Compadres abrem os festejos, a 12 de fevereiro, mas, até 25 de fevereiro, são muitas as propostas.

Apesar do passar dos tempos e das alterações inerentes à evolução das sociedades, perde-se no tempo o ano e a forma como Quintela de Azurara começou a viver a tradição do Carnaval. Uma iniciativa secular, que foi passando de geração em geração, com momentos únicos, como é o caso do jogo a Sacada, onde os rapazes solteiros se mascaram de “velhas” e, transportando sacas de serapilheira, desafiam os homens casados a participar no jogo. Dizem os mais velhos que este será um ritual de purificação da alma e libertação dos maus pensamentos. No dia de Carnaval, 25 de fevereiro, pelas 17h15, todos são convidados a participar.

ENTRUDO É A ÉPOCA DO ANO QUE MANTÉM O MAIOR NÚMERO DE TRADIÇÕES NESTA FREGUESIA

Na quarta-feira antes do domingo magro, a 12 de fevereiro, pela madrugada os compadres anunciam os casamentos de carnaval. Dois arautos, um em cada extremo do povo têm “liberdade ilimitada” para ir casando os solteiros, abusando do maldizer.  No domingo magro, todos são convidados para o jogo da “Panela de Barro” e a dançar na “Roda de Entrudo”.  Na semana seguinte, a 19 de fevereiro, durante a madrugada e como resposta, também as comadres afixam em local público a sua versão dos ditos casamentos.

No domingo gordo, a 23 de fevereiro, vários grupos musicais irão animar a aldeia durante a tarde e a noite.

A fogueira é um dos pontos altos deste Carnaval: na segunda-feira, a partir das 19h00 a população junta-se à volta de uma grande fogueira, cantando e dançando alegremente de forma espontânea ou ao som das concertinas, retemperando as forças para, pela aurora, e já satisfeitos com as Papas de Milho, ir “Cantar a Madrugada” pelas ruas da aldeia.

No dia seguinte, dia de Carnaval, a folia continua! Durante a manhã descansam os que aguentaram a noite e à tarde vários grupos musicais e muita animação circense irão animar Quintela de Azurara até ao Enterro do Entrudo, às 00h00. Terminam assim as festas e entra-se no período da Quaresma.

Durante estes dias, Quintela de Azurara oferece ainda um vasto programa lúdico, para a população e visitantes:  a caminhada pelos “Trilhos de Ludares”, o Passeio Noturno de BTT e o Free Trail. E ainda degustação dos produtos da região em destaque nas Feirinhas de Entrudo, onde também estará patente o artesanato.





Mais Notícias


  • 13 Janeiro, 2020

    Mais de Mil Pessoas assistiram ao “HardM - Ler mais

  • 13 Janeiro, 2020

    Mangualde aposta na Formação de Ativos E - Ler mais

  • 10 Janeiro, 2020

    Pinheiro de Natal replantado esta manhã n - Ler mais

  • 10 Janeiro, 2020

    Mostra de Pintura de Leonor Correia e Jorg - Ler mais

  • 10 Janeiro, 2020

    Mangualde acolhe Mostra sobre Alterações - Ler mais

  • 8 Janeiro, 2020

    26ª Edição do “HardMetalFest Manguald - Ler mais

  • 7 Janeiro, 2020

    Distrito de Viseu tem um novo Comandante d - Ler mais

  • 6 Janeiro, 2020

    Casa Cheia para assistir a Concerto de Ano - Ler mais

  • 3 Janeiro, 2020

    Em mais um “Sextas da Lua”, o Teatro d - Ler mais

  • 18 Dezembro, 2019

    Casa Cheia para assistir “A Velha Casa d - Ler mais

  • 18 Dezembro, 2019

    “Árvore dos Valores” dá mais sentido - Ler mais

  • 16 Dezembro, 2019

    Espaço envolvente à Capela de Santa Luzi - Ler mais

  • 16 Dezembro, 2019

    Mangualde marcou presença no IV Encontro - Ler mais

  • 13 Dezembro, 2019

    Município de Mangualde organizou Festa de - Ler mais

  • 12 Dezembro, 2019

    Projeto “Livros sobre Rodas” em Mangua - Ler mais