CM Mangualde

Mangualde falou sobre “Perspetivas e Olhares sobre a Violência Doméstica


Uma centena de participantes ouviram Mangualde falar sobre “Perspetivas e olhares sobre a Violência Doméstica – Intervenção, Acompanhamento e Impacto nas Crianças”, na passada sexta-feira, dia 29 de novembro. Este seminário, inserido nas Comemoração do Dia Internacional para a Eliminação de Todas as Formas de Violência Contra as Mulheres, decorreu durante a tarde na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves.

A Sessão de Abertura arrancou pelas 14h30 com Maria José Coelho, vereadora da Câmara Municipal de Mangualde, Márcia Martins, Diretora do Centro Distrital da Segurança Social de Viseu. A moderadora foi Cristina Lopes, Conselheira Municipal para a Igualdade. Pelas 15h00 falou-se sobre “Prevenção da Violência na Comunidade – Como trabalhar” com a intervenção de Ana Paixão, da Questão de Igualdade – Associação para a Inovação Social. Seguiram-se as temáticas “Violência Doméstica – Como Intervir”, por Elisa Brites, da APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima; “A Violência Doméstica e o Impacto nas Crianças e seu Futuro”, por Tatiana Louro, da Cinco Sentidos – Espaço de Reabilitação e Intervenção Psicoeducacional; e “Violência Sexual – Masculinidades e Prevenção”, por Ângelo Fernandes, da Associação Quebrar o Silêncio. Às 17h00 falou-se sobre “Intervenção e abordagem estatística”, pelo Sargento-ajudante Cruz da Guarda Nacional Republicana, e pelas 17h30 decorreu a Sessão de Encerramento com a intervenção de Elza Pais, Deputada da Assembleia da República e investigadora.

EXPOSIÇÃO “EPISÓDIOS DE UMA VIDA” ATÉ 6 DE DEZEMBRO

Ainda no âmbito da Comemoração do Dia Internacional para a Eliminação de Todas as Formas de Violência Contra as Mulheres, estará patente na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, em Mangualde, até 6 de dezembro, a Exposição “Episódios de uma Vida”. Esta resulta de um conjunto de conversas com a população sénior de Marvila, em Lisboa, dinamizadas pelas Associações Questão de Igualdade e Quebrar o Silêncio, desenvolvidas no âmbito do Projeto Academia Sénior de Marvila, financiado pelo Programa BIP/ZIP – Parcerias Locais 2018. As conversas giraram em torno dos Direitos Humanos e foram abordados tópicos como o acesso à educação, ao trabalho, à partilha das responsabilidades familiares e as relações de intimidade, entre outros temas.





Mais Notícias


  • 22 Junho, 2016

    Autarquia melhora Rede de Abastecimento de - Ler mais

  • 20 Junho, 2016

    Mangualde continua a manter viva a confeç - Ler mais

  • 20 Junho, 2016

    Infantis de Futsal do Gigantes Sport Mangu - Ler mais

  • 20 Junho, 2016

    Concerto da Banda Sinfónica da GNR com ca - Ler mais

  • 15 Junho, 2016

    Mais de Meia Centena de participantes perc - Ler mais

  • 15 Junho, 2016

    Arquivo Municipal de Mangualde abriu as po - Ler mais

  • 15 Junho, 2016

    Solar de Almeidinha foi palco de Artes Per - Ler mais

  • 14 Junho, 2016

    Milhares de Pessoas invadiram Ruas de Mang - Ler mais

  • 14 Junho, 2016

    Mangualde acolhe 7º Aniversário do Coman - Ler mais

  • 13 Junho, 2016

    Empreendedorismo Jovem foi a Concurso em M - Ler mais

  • 13 Junho, 2016

    Conselho Municipal de Educação de Mangua - Ler mais

  • 13 Junho, 2016

    Primeira reunião do Órgão de Gestão do - Ler mais

  • 9 Junho, 2016

    Mangualdenses vão pedalar pelo Ambiente - Ler mais

  • 8 Junho, 2016

    Mangualde aposta num Mercado de todos para - Ler mais

  • 8 Junho, 2016

    IV Semana da Saúde promoveu estilos de vi - Ler mais