CM Mangualde

Mangualde promoveu a Conferência “Mulheres, Igualdade e Territórios”


O Município de Mangualde acolheu ontem, dia 21 de junho, a conferência “Mulheres, Igualdade e Territórios”. A iniciativa, que teve lugar no auditório da Câmara Municipal, promovida pela autarquia de Mangualde, visou a territorialização da Igualdade de Género e, ainda, recordar a feminista mangualdense Ana de Castro Osório. Dinamizada por Manuela Tavares, cofundadora e dirigente da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta, esta conferência contou com a presença de Marco Almeida, Presidente da Câmara, de Maria José Coelho, Vereadora da Ação Social, bem como de representantes da UMAR Viseu.

As mulheres são as grandes resistentes à desertificação das aldeias e nos centros urbanos do interior, elas podem ter um papel fundamental, começando pela sua participação nas autarquias locais. Para além das desigualdades que atingem as mulheres em geral, as que estão ligadas à agricultura e ao meio rural sofrem ainda de maior invisibilidade, isolamento, conservadorismo, machismo, violência doméstica, falta de reconhecimento profissional.

A Territorialização da Igualdade de Género como método de intervenção materializou-se nesta conferência, onde durante a segunda parte da mesma foi evocada a memória e história de vida da feminista Ana de Castro Osório, nascida em Mangualde, a 18 de junho de 1872.

A escritora, ativista e pedagoga Ana de Castro Osório publicou, em 1905, “Às Mulheres Portuguesas”, o primeiro manifesto feminista português.  Foi uma das fundadoras do Grupo Português de Estudos Feministas, da Liga Republicana das Mulheres Portuguesas, da Associação de Propaganda Feminista, a primeira organização sufragista portuguesa, que, por iniciativa da escritora, integrou a International Women Suffrage Alliance. É considerada a criadora da literatura infantil em Portugal, tendo realizado uma extensa e intensiva recolha dos contos da tradição oral do país, e publicado inúmeros volumes de histórias para crianças.

Esta iniciativa demonstra que o Município de Mangualde continua, uma vez mais, empenhado em alertar para a importância da igualdade de género.

 





Mais Notícias

  • 19 Julho, 2016

    Largo Dr. Couto brilhou com Noites de E - Ler mais

  • 18 Julho, 2016

    Cemitério de Santiago ampliado e inaug - Ler mais

  • 15 Julho, 2016

    Aviso à População – Água de M - Ler mais

  • 15 Julho, 2016

    Sessão de Esclarecimento sobre Bordado - Ler mais

  • 14 Julho, 2016

    Mangualde acolhe Exposição «Nascer d - Ler mais

  • 13 Julho, 2016

    Discências 3: EXPOSIÇÃO DE PINTURA U - Ler mais

  • 13 Julho, 2016

    Chefe Valdemar Onofre ensinou Doçaria - Ler mais

  • 13 Julho, 2016

    “Durma bem, sinta-se melhor”: Mang - Ler mais

  • 12 Julho, 2016

    Ministra da Presidência e da Moderniza - Ler mais

  • 11 Julho, 2016

    Mangualde inaugura Forno Comunitário e - Ler mais

  • 11 Julho, 2016

    Exposição de Miniaturas de Viaturas d - Ler mais

  • 11 Julho, 2016

    «Arraial Sénior» assinala Dia dos Av - Ler mais

  • 8 Julho, 2016

    Mangualdense Miguel Monteiro campeão d - Ler mais

  • 8 Julho, 2016

    Mangualde estabelece protocolo para pre - Ler mais

  • 7 Julho, 2016

    Toponímia e Numeração de Polícia em - Ler mais