CM Mangualde

“Serei o que me deres…Que seja Amor”


Mangualde assinala Mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância

 

“Serei o que me deres…que seja amor” volta a ser o mote da campanha que assinala o Mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância. A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Mangualde, o Município de Mangualde e o Agrupamento de Escolas de Mangualde voltam a abraçar esta campanha anual. Este ano a campanha terá especial destaque nas plataformas ‘online’ da Câmara Municipal de Mangualde, do Agrupamento de Escolas e da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Mangualde. A iniciativa será assinalada durante todo o mês de abril em colaboração com o Agrupamento de Escolas de Mangualde, o comércio local e as grandes superfícies comercias.

E, para assinalar o arranque desta campanha, o Presidente da CPCJ de Mangualde, Fernando Espinha, deixa-nos a seguinte mensagem:

“A CPCJ de Mangualde, mau grado o momento de dor e preocupação que nos aflige e condiciona a todos, não pode deixar de comemorar, em Abril, o mês dedicado à sensibilização e à informação da comunidade para prevenção dos maus tratos na infância. É um gesto de cidadania para o qual todos estamos convocados. Para o prevenir e para o combater, pois, infelizmente, está muito presente na nossa sociedade. E para o entender. Os maus-tratos na infância não se resumem às agressões físicas que os menores são vítimas. Alargam-se a todos os direitos que as crianças e os jovens têm e que não são respeitados. O direito à educação, à saúde, à participação da família e na sociedade, à alimentação, ao bem-estar. Esta iniciativa nasce, como é sabido, nos Estados Unidos da América, através do protesto de uma avó que quis mostrar a todos as nódoas negras resultantes de agressões que os seus netos eram vítimas por parte dos pais. Fê-lo através de um laço azul (a cor das nódoas) que amarrou à antena do seu carro. A repercussão desta iniciativa foi de tal ordem que abril passou a ser o Mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância, um momento de alerta para a luta contra os maus-tratos e para a promoção e protecção dos seus direitos. É a campanha do Laço Azul. É o despertar de consciências e o convocar de ações para a defesa das crianças e dos jovens.

Durante o mês de abril estão previstas diversas iniciativas que procurarão sensibilizar e alertar, informar e envolver a comunidade, recorrendo às mais diversas formas e utilizando múltiplos recursos. Contamos consigo para provar que esta causa não é dos outros. É nossa. É de todos. As crianças e os jovens merecem e exigem que estejamos presentes e sejamos atuantes.” – Fernando Espinha

Laço azul é o símbolo da campanha
A “Campanha Laço Azul” nasceu em 1989, nos Estados Unidos. Este movimento surgiu com Bonnie W. Finney que tomou a iniciativa de colocar uma fita azul na antena do seu carro, de modo demonstrar a sua dor face aos acontecimentos trágicos de que foram vítimas os seus netos. As crianças foram fustigadas pela mãe e pelo namorado e o azul representava as nódoas negras espalhadas pelos pequenos e delicados corpos. Uma das crianças terá morrido vítimas das agressões, desde então o laço azul continua a ser o símbolo da campanha do mês de abril.

Para promover este mês contra os maus-tratos na Infância, a CPCJ de Mangualde desenvolve diferentes iniciativas. A iluminação azul no edifício da Câmara Municipal e no Largo em frente ao edifício, bem como a colocação de laços azuis no interior da Câmara Municipal, fazem parte dessas iniciativas.

MANGUALDE CONVIDA TODOS A COLOCAR UMA PEÇA DE ROUPA OU TECIDO AZUL À JANELA, OU VARANDA DE CASA
A semana de 5 a 9 de abril será marcada como a semana azul, contará com a declamação de um poema de José Miguel dos Santos Gonçalves Batista, do 12.º Ano Turma C, n.º 4, do Agrupamento de Escolas de Mangualde e pequenas sensibilizações nas escolas junto dos professores e educandos.

De 9 a 29 de abril serão colocados por toda a cidade faixas e cartazes contando a História da “Campanha Laço Azul”. Serão ainda colocados no comércio local e nos grandes hipermercados da cidade, sensibilizando para este tema.

No dia 30 de abril, e para findar a campanha de sensibilização, a CPCJ de Mangualde propõe a todos os Mangualdenses a colocação de uma peça de roupa ou tecido azul à janela, ou varanda de casa, como símbolo de Prevenção dos Maus-Tratos na Infância, encerrando assim o Mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância.





Mais Notícias

  • 1 Abril, 2022

    Mangualde assinala Mês Internacional d - Ler mais

  • 31 Março, 2022

    Mangualde recebe Sessão de Captação - Ler mais

  • 30 Março, 2022

    “Trilho de Ricardina” está de Volt - Ler mais

  • 29 Março, 2022

    “I Mostra de Emprego, Formação e Ed - Ler mais

  • 28 Março, 2022

    Espetáculo “ALTAMENTE” irá animar - Ler mais

  • 28 Março, 2022

    “Volta ao Concelho a Nadar” reg - Ler mais

  • 28 Março, 2022

    7.ª Edição da Feira de Março foi um - Ler mais

  • 28 Março, 2022

    Entrega de Dispositivos de Teleassistê - Ler mais

  • 25 Março, 2022

    Dia de Ativação do Ano Europeu da Juv - Ler mais

  • 25 Março, 2022

    Biblioteca Municipal de Mangualde acolh - Ler mais

  • 24 Março, 2022

    Academi@ STEM de Mangualde celebra Reno - Ler mais

  • 24 Março, 2022

    Agricultores de Mangualde atualizam Car - Ler mais

  • 23 Março, 2022

    Requalificação e Modernização da Li - Ler mais

  • 22 Março, 2022

    Visita às Obras de Requalificação da - Ler mais

  • 21 Março, 2022

    Presidente da Câmara Municipal de Mang - Ler mais