CM Mangualde

Um Terço da Exportação de Bens de Fabricação Automóvel conta com o Contributo de Mangualde


“AUTOMOTIVE PROJECT MARKET”

UM TERÇO DA EXPORTAÇÃO DE BENS DE FABRICAÇÃO AUTOMÓVEL CONTA COM O CONTRIBUTO DE MANGUALDE

EVENTO DEDICADO À INDÚSTRIA AUTOMÓVEL VISOU A DIFUSÃO E CONSOLIDAÇÃO DO LEGADO FORMATIVO DO PROJETO DRIVES

João Correia Neves, Secretário de Estado da Economia, em declarações na sessão de encerramento do evento “Automotive Project Market”, referiu que «Cerca de um terço da nossa exportação de bens é à volta da fabricação automóvel, e conta com o contributo de uma unidade muito importante do concelho de Mangualde».

A iniciativa que teve lugar ontem, dia 18 de maio, no Município de Mangualde, integrou um conjunto de conferências e debates na área da indústria automóvel. Promovido em parceria entre a autarquia, a Eupportunity, a IDESCOM, o Instituto Politécnico de Viseu e a Universidade do Minho, o evento, que decorreu na Biblioteca Municipal, visou a concretização, consolidação e sustentabilidade do legado do projeto DRIVES, enquadrando-se no âmbito de atividades a levar a efeito enquanto parceira da Automotive Skills Alliance.

O Secretário de Estado reforçou ainda que «O debate à volta das competências, das suas mudanças e da sua qualidade de processo de construção de soluções, é muito relevante para encontrar formas de acrescentar valor a este espaço de flexibilidade que nos caracteriza, e que nos pode colocar geograficamente no centro do processo de transformação».

Destacou que «Este projeto está bem enquadrado com aquilo que são os desafios que temos. É muito interessante, para mim, ver a participação e o fluxo que tem tido, porque é muito estimulante perceber que aqui podemos ter contributos muito decisivos para aquilo que é o processo de redefinição do nosso posicionamento e de construção de uma capacidade competitiva muito forte».

 Marco Almeida, Presidente da Câmara Municipal, abriu a sessão referindo que a iniciativa «pretende, acima de tudo, abordar boas práticas para o setor automóvel e dar respostas aos novos desafios para a próxima década. Mangualde assume-se como parceiro nesta rede europeia com objetivo muito claro de se posicionar relativamente a esta temática».

O Presidente salientou a ligação do Município à indústria automóvel «Queremos estar no epicentro da capacitação profissional e formação especializada para o setor. Temos o cluster como a Stellantis, a Lear Corporation, a Faurécia, do Grupo Forvia, a Eberspächer, a Academia e o networking nacional e europeu do Projeto Drives. Mangualde tem massa crítica necessária para ser uma referência nacional e internacional enquanto centro de excelência de formação profissional na indústria automóvel». O autarca vê positivamente o futuro da indústria do concelho.

José dos Santos Costa, Presidente do Instituto Politécnico de Viseu, salientou a importância do IPV para o distrito, de forma a construir competências, indicando que vão iniciar atividades de ensino superior nos concelhos de Moimenta da Beira, Sernancelhe e São Pedro do Sul. «Entendemos que o conhecimento não pode estar dentro de quatro paredes, tem que estar no território».

Paulo Langrouva, Vogal do Conselho Diretivo do IEFP, em representação do Secretário de Estado do Trabalho, Miguel Fontes, destacou que a grande virtude deste evento é «o facto de conseguir aliar e conjugar vários fatores, nomeadamente, ter aqui os parceiros estratégicos essenciais, as empresas do setor, ter também as áreas do conhecimento, os institutos politécnicos, as universidades associadas, e a própria Câmara Municipal envolvida neste projeto».

O evento englobou um conjunto de conferências e debates na área da indústria automóvel, onde se destacam as temáticas “Automotive Sector – Skills and Transformation” e “Os Projetos na Indústria Automóvel Europeia e Nacional”. Integrando, também, o Espaço Drives Sharing Knowledge, dedicado a apresentações relacionadas com o projeto DRIVES, no qual foram divulgadas algumas das formações existentes na plataforma “Drives Learning Platform e, ainda, uma mesa-redonda com o mote “A Formação e a Evolução das Competências na Indústria Automóvel”.

O Automotive Project Market pretende difundir, no espaço nacional, o legado formativo do projeto DRIVES, e promover o seu uso junto de entidades formadoras, empresariais, representativas do setor automóvel e institucionais. O Município de Mangualde é o único município português no DRIVES – Development And Research On Innovative Vocational Educational Skills, projeto europeu de formação para indústria automóvel do futuro.





Mais Notícias

  • 15 Junho, 2016

    Solar de Almeidinha foi palco de Artes - Ler mais

  • 14 Junho, 2016

    Milhares de Pessoas invadiram Ruas de M - Ler mais

  • 14 Junho, 2016

    Mangualde acolhe 7º Aniversário do Co - Ler mais

  • 13 Junho, 2016

    Empreendedorismo Jovem foi a Concurso e - Ler mais

  • 13 Junho, 2016

    Conselho Municipal de Educação de Man - Ler mais

  • 13 Junho, 2016

    Primeira reunião do Órgão de Gestão - Ler mais

  • 9 Junho, 2016

    Mangualdenses vão pedalar pelo Ambient - Ler mais

  • 8 Junho, 2016

    Mangualde aposta num Mercado de todos p - Ler mais

  • 8 Junho, 2016

    IV Semana da Saúde promoveu estilos de - Ler mais

  • 7 Junho, 2016

    Autarquia convida Seniores Mangualdense - Ler mais

  • 7 Junho, 2016

    Mangualde Hardmetalfest distinguido ‘ - Ler mais

  • 7 Junho, 2016

    Mangualde Light Run fez brilhar a Cidad - Ler mais

  • 7 Junho, 2016

    90 Pessoas percorreram os Caminhos do B - Ler mais

  • 7 Junho, 2016

    Mangualde acolheu 1º Festival de Artes - Ler mais

  • 6 Junho, 2016

    600 Alunos Mangualdenses visitaram o Ja - Ler mais