CM Mangualde

“Crianças e Jovens – O Direito a ser Feliz” esteve em discussão em Mangualde


O tema foi o mote para a “II Jornada Anual da CPCJ Mangualde”, realizada no âmbito do Plano Local de Promoção e Proteção das Crianças e Jovens de Mangualde.

 

A “II Jornada Anual da CPCJ Mangualde”, intitulada de “Crianças e Jovens – O Direito a Ser Feliz” aconteceu ontem, dia 14 de dezembro, em Mangualde. A iniciativa, promovida pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Mangualde (CPCJ), em colaboração com o Município, teve lugar no Auditório da Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves.

A sessão de abertura esteve a cargo de Fernando Espinha, Presidente da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Mangualde (CPCJ), de Mangualde, e de Marco Almeida, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde.

O primeiro painel contou com a intervenção de Cristina Nogueira Fonseca, que abordou o tema da “Parentalidade Positiva”. Seguiu-se o painel dedicado à temática “Família, jovens e escola – o percurso para o êxito”, que contou com a moderação de Nuno Jerónimo, NOS Portugal e com as intervenções de Duarte Marques, da Clínica Veterinária Rosela, de Hugo Marques, da Siemens Healthineers, de Inês Beja, do restaurante DeRaiz e de Manuela Belo, da Lekanto.

Após pausa para almoço, a tarde teve início com um momento musical protagonizado pela Associação “AMARTE”.  Seguiu-se o segundo painel, com a intervenção de Manuel Roxo, Procurador da República, Tribunal Judicial da Comarca de Viseu – Juízo de Família e Menores, que abordou o tema “O Ministério Público e a promoção dos direitos das crianças e jovens”.

Posteriormente, e com moderação de  Maria José Coelho, Vereadora da Ação Social da Câmara Municipal de Mangualde, abordou-se o tema “O contributo das instituições na defesa das crianças e jovens”, com as intervenções de Cristina Azevedo, da Associação Pais em Rede, de José Lopes, Cabo Chefe do Destacamento da GNR de Mangualde – Programa Escola Segura, de Mónica Luís, representante das IPSS na CPCJ de Mangualde, de Rui Madeira, Psicólogo da AEM, de Sérgio Aleixo, Médico da USF Terras de Azurara, e de Marcelo Silva, Presidente da AE da Escola Secundária Felismina Alcântara.

A sessão de encerramento foi protagonizada por Fernando Espinha, Presidente da CPCJ de Mangualde.

A “II Jornada Anual da CPCJ Mangualde” foi realizada no âmbito da operacionalização do Plano Local de Promoção e Proteção das Crianças e Jovens de Mangualde. Este Plano tem como missão contribuir para a planificação, execução, monitorização e melhoria da ação na área infantojuvenil do território na promoção dos direitos e proteção das crianças e jovens. E tem como visão constituir-se como um instrumento de referência na defesa desses mesmos direitos, numa relação convergente de todos os agentes comunitários no fomento, preferencialmente, de soluções de cariz preventivo.

 





Mais Notícias

  • 12 Abril, 2024

    “Percursos Pedestres” de Mangualde - Ler mais

  • 8 Abril, 2024

    Exposição fotográfica de Veloso Amar - Ler mais

  • 4 Abril, 2024

    Investimento superior a 200 mil euros n - Ler mais

  • 3 Abril, 2024

    Bibliofarmácia para combater iliteraci - Ler mais

  • 26 Março, 2024

    Mangualde atinge o maior número de bol - Ler mais

  • 21 Março, 2024

    Exposição, simulacro e ações de sen - Ler mais

  • 20 Março, 2024

    Mangualde planta 1200 árvores no conce - Ler mais

  • 14 Março, 2024

    Concluída requalificação da rua prin - Ler mais

  • 13 Março, 2024

    Município entrega cerca de 800 armadil - Ler mais

  • 11 Março, 2024

    Mangualde lança 3º edição do Orçam - Ler mais

  • 6 Março, 2024

    Resistência” nas Festas da Cidade de - Ler mais

  • 5 Março, 2024

    Cerca de 350 alunos das aldeias de Mang - Ler mais

  • 1 Março, 2024

    Alojamento em Mangualde aumentou quase - Ler mais

  • 29 Fevereiro, 2024

    Mangualde tirou das ruas mais de uma ce - Ler mais

  • 28 Fevereiro, 2024

    Mangualde volta à BTL e desta vez leva - Ler mais