CM Mangualde

Tradições atraíram Milhares de Pessoas a Mangualde


Este fim de semana

TRADIÇÕES ATRAÍRAM MILHARES DE PESSOAS A MANGUALDE

Feira dos Santos ACONTECE HÁ MAIS DE 300 ANOS:

«um dos mais importantes patrimónios de Mangualde, ao serviço dos mangualdenses» – João Azevedo

 O fim de semana (entre 2 e 4 de novembro) foi de festejos em Mangualde: a Feira dos Santos, o certame mais antigo da cidade, com mais de 300 anos existência, atraiu milhares de pessoas às ruas do centro da cidade. A gastronomia, vinhos, artesanato, agropecuária, máquinas e alfaias agrícolas, camiões, entre outros, foram apreciados por todos.

 «O certame centenário é uma marca do concelho de Mangualde, da região e do país». Uma afirmação do presidente da Câmara de Mangualde, João Azevedo, aquando da abertura do evento, onde também esteve presente a Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Marques, e o Presidente da Entidade Regional Turismo Centro de Portugal, Pedro Machado.

 O evento foi recuperado há oito anos em prol da cultura do concelho: «A Super Feira dos Santos é um dos mais importantes patrimónios de Mangualde, ao serviço dos mangualdenses», garante João Azevedo. Com mais de 400 expositores, mais 100 do que em relação ao ano passado, a feira assume-se como uma marca regional e nacional já com interesse a nível internacional. «Um cocktail de emoções, de cheiros e de bem-estar, que já é visitada pelos filhos da terra que um dia vieram com os pais e os avós», atenta o autarca considerando-a uma marca com história que vai ter «um grande sucesso no futuro».

O MELHOR DE MANGUALDE NUMA FEIRA SECULAR

Acontece há mais de 300 anos e desde sempre se afirmou como uma festa para toda a família. Durante três dias, Mangualde esteve ao rubro, com atrações para os mais diversos públicos, como a Wine Party, a V ExpoVinhos Mangualde, a Manguald´Arte, a AgroMangualde, a Mangualde Motor, a Mangualde Indústria, a Mangualde Transporte – ANTRAM, palestras, workshops, showcookings e oficinas, não faltando nunca animação musical. «Somos terra de gente empreendedora, de produtos de qualidade e que muito respeitamos as nossas tradições», atenta o autarca mangualdense.

Feira dos Santos à Mesa

Os vários restaurantes aderentes proporcionaram deliciosos momentos: enchidos da região, rojões à moda de Mangualde, febras à Feira dos Santos, requeijão com doce de abóbora, queijo da serra e vinho do Dão, foram alguns dos produtos à mesa do certame.

Ao longo destes anos, a Feira tem promovido as potencialidades do concelho e da região, assentes nas fileiras do vinho – cujos produtores garantem quantidade e reforçam a qualidade na Região Demarcada do Dão; nos frutos vermelhos – onde cerca de 80 produtores mostram que se trata de uma aposta ganha nestes territórios; no mel – onde se destaca a existência de uma cooperativa com grande importância na sua produção; no queijo; e na fileira do leite.

Mas também o turismo tem crescido exponencialmente com a Feira dos Santos. De acordo com Pedro Machado, «esta Feira é a imagem de uma modernidade que soube respeitar a tradição. O nosso país vendeu-se durante muito tempo como um destino de sol e mar, mas hoje este paradigma mudou e o país também se promove pela autenticidade dos seus produtos e pela diferenciação dos seus territórios», sublinhou o presidente da Turismo Centro de Portugal.

«Investir nestes territórios é promover a sua capacidade de bem receber. Seja ao nível dos turistas, seja dos empresários, seja de novos moradores», considerou Ana Abrunhosa, presidente da CCDR Centro (Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro), para quem o futuro passa pelo trabalho em rede em projetos regionais vocacionados para as fileiras mais importantes existentes nestes territórios, como o queijo.

 Também a ministra da Presidência e da Modernização Administrativa reconheceu que com a Feira dos Santos se «homenageia o passado, a tradição, mas também o presente», através dos empresários que investem no concelho, das entidades públicas e privadas e do poder local democrático. Nestes dias, todas as freguesias do concelho, bem como o tecido empresarial, os produtos regionais e as instituições parceiras (Turismo do Centro de Portugal, CIM Viseu Dão Lafões, Associação Empresarial de Mangualde e Conselho Empresarial da Região de Viseu) estiveram em destaque na Feira dos Santos 2018, transmitida em direto no domingo, através do programa televisivo “Somos Portugal” da TVI.